Cadastre-se Tabela Shoptrans
Principal / Notícias / Concessionárias de pedágio avaliam medidas após o fim da vigência da MP das Rodovias. 02/03/2018 Concessionárias de pedágio avaliam medidas após o fim da vigência da MP das Rodovias.  

Medida Provisória permitia repactuação dos contratos de concessão; sem votação pelo Congresso Nacional, empresas podem devolver trechos ou ir à Justiça para resolver impasse.

As concessionárias responsáveis pelos trechos de BRs licitados durante a terceira fase do Programa de Concessões de Rodovias do governo federal, no período de 2013 a 2015, avaliam as medidas que serão adotadas com o fim da vigência da Medida Provisória 800, conhecida como MP das Rodovias. O texto permitia a repactuação dos contratos a fim de ampliar o prazo para as empresas realizarem as obras de duplicação. Entretanto, com a falta de consenso na Câmara dos Deputados, a MP perdeu a validade na última segunda-feira (26), sem ser votada.

“As empresas se sentem fragilizadas, porque estão sendo cobradas por um contrato que disseram, há mais de um ano, que não teriam condições de cumprir”, diz o presidente da ABCR (Associação Brasileira das Concessionárias de Rodovias), César Borges.

O problema é que as empresas enfrentaram dificuldades para viabilizar os investimentos previstos contratualmente. Segundo os termos, elas teriam cinco anos para executar obras de duplicação, a contar da assinatura dos contratos.

PUBLICIDADE_____________________________________________________________________________________

Use a TABELA SHOPTRANS para pesquisar o preço de implementos rodoviários seminovos - CLIQUE AQUI.   ________________________________________________________________________________________________

No entanto, as concessionárias foram impactadas pela falta de financiamento de longo prazo do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) e pela redução de receitas decorrente da crise econômica, que fez cair em até 30% o fluxo de veículos nas rodovias. Essa situação foi levada ao governo federal em 2016. Como resposta, foi editada, em setembro do ano passado, a MP 800. O objetivo da Medida Provisória era permitir que as concessionárias renegociassem os contratos ampliando para até 14 anos o prazo máximo para a execução desses investimentos.

Agora, sem apreciação do texto da medida pelo Congresso Nacional, César Borges diz que as empresas podem devolver os trechos à União ou levar o tema à Justiça. “Há possibilidade de devolução dos trechos, no espírito da lei 13.448/2017, ou de judicialização. O problema é que a lei 13.448/2017 ainda carece de metodologia, porque não foi regulamentada pelo governo”, ressalta.

As concessionárias afetadas são a Rota do Oeste, que administra a BR-163 no Mato Grosso; a Triunfo Concebra, responsável pela BR-060/153/262 (DF/GO/MG); a MGO, que administra a BR-050 (GO/MG); e a MSVias, responsável pela BR-163 (MS).

O Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil propôs à Presidência da República o envio de um projeto de lei. O texto, contudo, não deve repetir a Medida Provisória. Quanto à lei 13.448/2017, a pasta afirma que a regulamentação já está em andamento.  

Busca OK Carregando...
Arquivo de Notícias 2018   20182017201620152014201320122011201020092008 Junho   JaneiroFevereiroMarçoAbrilMaioJunhoJulhoAgostoSetembroOutubroNovembroDezembro OK Carregando...
Categorias ArtigoAUTOPEÇASCaminhõesCombustíveisEconomiaEDITORIALEstradasImplementos RodoviáriosInformativosLOGÍSTICAMercadoMontadoraÔnibusOPINIÃOPORTOSTecnologiaTRÂNSITO
Tamanho da Fonte    
Publicidade Publicidade
Últimas Notícias   16.06 TRÂNSITO Equipamentos obrigatórios e punições severas podem reduzir acidentes.   15.06 Montadora Melhor equipe de Serviços da rede Scania disputa vaga para a final mundial do Top Team 2018.   15.06 Ônibus Marcopolo nomeia novo representante na Argentina.   15.06 Ônibus CNH Industrial entrega 900 ônibus da IVECO BUS ao governo de Minas Gerais.   15.06 AUTOPEÇAS Mercedes-Benz amplia rede de distribuição de peças Alliance. Ver Mais Mais Lidas 1 Exame toxicológico para motoristas tem novas regras a partir de hoje. 2 Liberação do super rodotrem: SAE BRASIL debate impactos. 3 Exame toxicológico para motoristas profissionais: A partir de hoje é obrigatório informar o Ministério do Trabalho. 4 Petrobrás anuncia nova redução nos preços dos combustíveis a partir de amanhã (25). 5 Honeywell anuncia Turbos Garret de geometria variável de terceira geração no Brasil Publicidade Publicidade Publicidade Publicidade
ClassificadosCaminhõesImplementos RodoviáriosLINSHALM BAÚS ZEROLogística Implementos Rodoviários / CARROCERIA ABERTA SOBRE-CHASSI CARROCEIRA MISTA FERRO E ALUMÍNIO R$ 1,00 Implementos Rodoviários / CARROCERIA ABERTA SOBRE-CHASSI CARROCERIA MISTA SOBRE CHASSI - FERRO E ALUMÍNIO R$ 1,00 Caminhões / Toco MB 1313 Toco caçamba R$ 58.000,00 Implementos Rodoviários / CARROCERIA ABERTA SOBRE-CHASSI CARROCERIA DE ALUMÍNIO SOBRE CHASSI R$ 33.500,00 Caminhões / Utilitários MB Acello 815 Carroceria R$ 105.000,00 Caminhões / Truck MB L-1620 Truck Baú Isotermico R$ 85.000,00
Newsletter Receba notícias e ofertas por e-mail
  NotíciasArtigoAUTOPEÇASCaminhõesCombustíveisEconomiaEDITORIALEstradasImplementos RodoviáriosInformativosLOGÍSTICAMercadoMontadoraÔnibusOPINIÃOPORTOSTecnologiaTRÂNSITO   TV ShopTransCaminhõesInformativosNovidadesTRÂNSITO   EntretenimentoDicas   ClassificadosCaminhõesImplementos RodoviáriosLINSHALM BAÚS ZEROLogística   Anuncie Tabela de Valores Cadastre-se Área Restrita Contato (54) 3229-6697 © 2018 Todos os direitos reservados para Shoptrans. Layout e Programação desenvolvidos por DROP.